quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

MUDANÇA RADICAL

Colocar todos os móveis em um caminhão, arrumar outra residência e mudar. Cortar o cabelo, pintarde outra cor, usar roupas diferentes, mudar o visual. Marcar uma consulta com um cirurgião plástico,mudar o rosto.
Todas essas opções podem parecer mudanças. No entanto, a mudança a que estou
me referindo não acontece assim. É necessário um esforço, um trabalho profundo, vindo do interior decada um de nós.
Em primeiro lugar temos que saber. Somos muito mais defeitos que virtudes... se alguém negar essa verdade, então, não precisa ler, não será capaz de mudar nada no seu interior.
Saiba que os bêbados atraem outros bêbados, os ladrões atraem ladrões. Isso serve igualmente para os mentirosos,fornicadores, luxuriosos, materialistas, etc. Todos nós temos um pouco de cada um desses defeitos,uns mais, outros menos, mas se não reconhecermos nossos próprios defeitos, a mudança não  será possível.
Perceba a ira em você quando alguém lhe dirige uma crítica: justamente nessa hora irá se manifestara penas um detalhe. Mas se você fica remoendo e mal-dizendo essa pessoa que lhe criticou, isso vai crescendo, crescendo e quanto mais você pensar nesse assunto, a ira e o orgulho, que estão ligados,vão aumentando.
A inveja está ligada com a cobiça. Quando vê um objeto ou qualquer coisa que lhe chame a atenção e quer para si, então se manifestou a cobiça, e se alguém tiver aquilo que você viu, na certa dará um jeito de possuir, pelo menos por poucas horas, pode até ser um falso. Estará crescendo em seu interior mais esse defeito.
A gula se manifesta quando não nos controlamos diante de uma mesa farta: comemos tanto que não conseguimos sair do lugar. Está ligada com a preguiça. E todos esses defeitos estão ligados justamente com a luxúria, que foi o primeiro erro que cometemos quando comemos a maçã e perdemos o paraíso e o estado espiritual que tínhamos naquela época.
Então, chegamos ao ponto de partida: temos que resgatar nosso estado psicológico outrora perdido.
Se continuarmos pensando do mesmo jeito que qualquer pessoa comum, seremos mais um na
multidão; mas se quisermos mudar teremos que voltar ao nosso interior, desenvolver um sentido quejá perdemos também, que é a auto-observação, e começar a nos observar de instante a instante.
Ficarmos alertas como o vigia em tempos de guerra. E quando nos sentirmos ofendidos, humilhados,roubados, vamos começar a refletir. Por que será que aconteceu isso comigo?
Nunca diga que está certo, fique sempre atento porque nessa hora vão vir todos os seus defeitos paralhe proteger, pois eles não querem que você mude, já que essa mudança vai tirar-lhes o alimento eeles vão começar a diminuir.
Comece a treinar agora, não deixe para depois, pois se deixar nunca vai começar. Percebeu quantos defeitos seus se manifestaram durante a leitura desse texto? Então, não fique se remoendo.Agradeça a Deus por tudo. Lembre agora do Pai Nosso e reflita naquelas palavras que dizem:
³Perdoai as nossas ofensas assim como perdoamos a quem nos tem ofendido´. E também: ³Não nos deixei cair em tentação´. Este ano será novo se mudarmos. Essa era será nova, se mudarmos. Essa vida será nova, se mudarmos. Senão, será apenas mais um ano, mais uma era, mais uma vida.
Então: Feliz ano novo, Feliz Nova Era, Feliz Vida Nova!
Vera Lucia Eleone

Nenhum comentário:

Postar um comentário